Área Cultural Área Técnica

 Ciência e Tecnologia  -  Colunistas  -  Cultura e Lazer
 
Educação  -  Esportes  -  Geografia  -  Serviços ao Usuário

 Aviação Comercial  -  Chat  -  Downloads  -  Economia
 
Medicina e Saúde  -  Mulher  -  Política  -  Reportagens

Página Principal

A R G E N T I N A

Bandeira da Argentina


 

Mapa da Argentina - CRÉDITO: Wikipédia.DADOS PRINCIPAIS:
Nome oficial: Republica Argentina.
Coordenadas geográficas: 34º 00' S, 64º 00' W
Nacionalidade: Argentina.
Data nacional: 25 de maio (aniversário da revolução - 1810) e 09 de julho de 1816 (independência da Espanha).
Capital: Buenos Aires.
Cidades principais: Buenos Aires (3.050.728 habitantes), Córdoba (1.372.000), Rosário (1.242.000), Mendoza (885.434), San Miguel de Tucumán (789.000),
La Plata (732.503), Mar del Plata (604.563), Salta (516.000), Santa Fé (493.000), San Juan (453.229), Resistencia (377.000), Santiago del Estero (357.000), Corrientes (345.000), Bahía Blanca (304.000), San Salvador de Jujuy (298.000), Posadas (287.000), Paraná (268.000), Neuquén (255.000), Merlo (244.168), Quilmes (230.810) e Bariloche (130.000) - "famosa estação de esqui" - Dados de 2007.

Idioma: Espanhol (oficial).
Religião: Cristianismo 91,9% (maioria católica), agnósticos (3,1%), muçulmanos (1,9%), judeus (1,3%), ateísmo (0,9%), budismo (0,9%) - Dados de 2011.
Código telefônico internacional: 54.
Código de internet: ar.
Site oficial do Governo Federal: www.argentina.gov.ar.

GEOGRAFIA:
Localização:
Sul da América do Sul (Fronteiras com o Brasil, Chile, Uruguai, Paraguai, Bolívia e Oceano Atlântico).
Hora local:
a mesma do Brasil (UTC - 3hr e UTC -2hr no "horário de verão").
Área: 2.780.400 km² - 2012.
Águas internas: 1,1% - 8º maior do mundo.
Clima:
de montanha (NO, SO, O), árido tropical (NE), árido frio (SE), temperado continental (S), tropical (N), subpolar (extremo sul).
Área de floresta:
339 mil km2 (2005).
Linha costeira: 4.989 km.
Ponto mais elevado: Monte Aconcágua (6.962 metros) - "ponto mais elevado das Américas".
Ponto mais baixo: Laguna del Carbón (105 metros abaixo do nível do mar "-105 metros") - "ponto mais baixo da América do Sul".

Rios e lagos navegáveis: 11.000 km (2012).
Área utilizada na agricultura: 10,03% (2005).

BUENOS AIRES, CASA ROSADA (Foto/Crédito: Fernando Toscano, Portal Brasil).POPULAÇÃO:
Total:
42.192.494 (2012) - 31º do mundo.
Densidade:
15,17 hab./km² (2012).
População urbana:
92% (2010).
População rural:
8% (2010).

Crescimento demográfico:
0,997% ao ano (2011).
Fecundidade:
2,29 filhos por mulher (2012).
Expectativa de vida: 77,14 anos (2012) - 59º do mundo.
Mortalidade infantil:
10,52 por mil nascimentos (2012) - 71º do mundo.
Analfabetismo:
2,4% (2011) - 53º do mundo.
IDH (0-1): 0,797 (2011) - 45º do mundo.

POLÍTICA:
Forma de governo:
República presidencialista.
Divisão administrativa:
23 províncias subdivididas em municipalidades e o Distrito Federal de Buenos Aires.
PORTO DE BUENOS AIRES (Foto / Crédito: Fernando Toscano, Portal Brasil)Principais partidos:
Justicialista (PJ, também conhecido como Peronista), União Cívica Radical (UCR), Frente do País Solidário (Frepaso).
Legislativo:
bicameral - Senado, com 72 membros; Câmara dos Deputados, com 257, eleitos por voto direto para mandatos de 6 e 4 anos, respectivamente (1/3 do Senado pode ser reeleito a cada dois anos).
Constituição em vigor:
1994.


ECONOMIA:
Moeda:
Peso argentino.
Orçamento anual: US$ 105,8 bilhões (2011).
PIB:
US$ 447,6 bilhões (2011).
Crescimento do PIB:
8,9% ao ano (2010-2011).
PIB per capita:
US$ 10,608.02 (2011).
Taxa de inflação: 22% (2010).
Força de trabalho:
16,76 milhões (2011).
CÓRDOBA, 2ª MAIOR CIDADE DO PAÍS - FOTO/CRÉDITO: Wikipédia.Agricultura: Os principais produtos são o trigo, milho, soja, sorgo, limão, fumo, amendoim e chá (2012).
Pecuária:
Bovinos, ovinos, caprinos, aves (2012).
Mineração: Petróleo, gás natural, carvão (2012).
Indústria:
Alimentos processados, bebidas (vinho), química, equipamentos de transporte, veículos, produtos têxteis e químicos, petroquímica, metalurgia, materiais gráficos e de impressão e refino de petróleo (2012).
Ferrovias: 36.966 km, sendo 136 km eletrificados (2008).
Rodovias: 231.374 km, sendo 69.412 km pavimentadas e, destas, 1.575 km são autoestradas (2011).
Aeroportos: 1.149 sendo 159 asfaltados - Há ainda 02 heliportos registrados (2012).
Portos: Os principais são os de Buenos Aires, Arroyo Seco, Bahía Blanca, La Plata, Punta Colorada, Rosario, San Lorenzo/San Martin e Ushuaia - 2012.
Marinha Mercante: 36 navios de médio e grande porte (sendo 01 petroleiro) registrados no país e 15 navios registrados em outros países - 2010.
Produção de energia elétrica: 115,4 bilhões de kWh (2009).Buenos Aires (Caminito) - FOTO/CRÉDITO: Fernando Toscano, www.portalbrasil.net
Consumo de energia elétrica:
104,7 bilhões de kWh (2008).
Telefones fixos:
10,14 milhões (2011).
Telefones celulares:
55,00 milhões (2011).
Dívida externa:
US$ 136,8 bilhões (2011).
Exportações
: US$ 84,27 bilhões (2011) - Principais parceiros: Brasil (21,8%), China (7,4%), Chile (5,6%) e Estados Unidos (5,5%).
Importações
: US$ 70,73 bilhões (2011) - Principais parceiros: Brasil (33,2%), Estados Unidos (14,4%), China (12,4%) e Alemanha (4,7%).


DEFESA:
Efetivo total:
70 mil homens ativos nas três forças militares (2008).
Gastos:
US$ 3,58 bilhões (2011 - 0,8% do PIB).

RELAÇÕES EXTERIORES:
Organizações:
Banco Mundial, FMI, Grupo do Rio, Mercosul, OEA, OMC, ONU.
Embaixada no Brasil:
SHIS QL 02 Conjunto 01 Casa 19, CEP 70442-900, Brasília (DF) - Tel.: (61) 3364.7600; fax (61) 3364.7666 - site: http://www.embarg.org.br/repres.htm; e-mail: embarg@embarg.org.br.
 

LAGO NAHUEL HAUPI, SUL DO PAÍS, PRÓXIMO A BARILOCHE - Foto/Crédito: Wikipédia.                    BUENOS AIRES FOTOGRAFADA AO ENTARDECER (RIO DA PRATA) - Foto / Crédito: Fernando Toscano, Portal Brasil.

ROSÁRIO - FOTO/CRÉDITO: Wikipédia.                    FERROVIAS (ROSÁRIO). A REDE FERROVIÁRIA DO PAÍS É A MAIOR DA AMÉRICA LATINA - Foto/Crédito: Wikipédia.

FONTES: Base de dados do Portal Brasil, Governo da Argentina, Wikipédia, CIA World Factbook, Editora Abril, Ministério das Relações Exteriores do Brasil e http://www.defesanet.com.br/al1/balanco.pdf.

 


FALE CONOSCO ==> CLIQUE AQUI